martedì 12 aprile 2016

Angela De Chrico: Uma casa cheia de alegria

A nossa aluna de primeiro nível, Angela De Chirico, descreve a sua casa cheia de uma afetividade alegre, que é encantadora. Muito obrigado, Angela, pelo belíssimo texto que quiseste partilhar com os nossos leitores!








Hoje é domingo. Eu levanto-me tarde e abro as janelas. É primavera e a luz enche a minha casa.

Esta não é uma casa grande mas é a minha casa e eu gosto muito dela.

Há uma pequena entrada com quadros grandes e pequenos, coloridos ou não. Eu gosto muito de um grande poster de uma exposição dos trabalhos de Kandinsky em 1980 e um quadro duma minha afetuosa amiga. 

À direita fica o quarto da minha filha mais nova. É um quarto colorido e confuso como ela, com uma grande janela. Em frente da cama ela tem um roupeiro, duas estantes com muitos livros, uma cómoda e uma secretária. Em cima da secretária a Silvia tem o computador, muitas canetas e livros. As paredes têm muitas fotografias dela e dos amigos e em cima do roupeiro há um grande teclado eletrónico, presente dos amigos da escola primária.

Há também um corredor na minha casa. À esquerda está uma estante com muitos livros de cada tipo, enciclopédias, livros de narrativa catalogados do "A" ao "L" (do "M" ao "Z" ficam no quarto do Paulo) e muitos de receitas de cozinha, a minha paixão, principalmente de pão e de doces.
Depois, há revistas e muitas coisas úteis e inúteis.

À esquerda do corredor fica a cozinha, pequena mas "vivida" com um grande móvel. Em cima deste eu tenho muitos acessórios de cozinha (a Bimby, um robot  multifunções que corta e prepara tudo e uma máquina de fazer o pão). Há um frigorífico coberto com magnetes, um fogão, uma máquina de lavar loiça e, em cima desta, o micro-ondas. Nas paredes tenho quadros e memórias dos meus amigos. Há uma grande janela que é a passagem para varanda. 

Em frente da cozinha fica a sala que é muito luminosa. À direita está o estéreo. Nós amamos muito a música e temos muitos CD. Em frente da porta há uma janela e está a televisão. À esquerda, em frente da televisão, fica um sofá e ao lado dele nós temos uma estante. Há uma mesa e quatro cadeiras. As paredes têm  muitos quadros, depois um candeeiro de teto  e um candeeiro de mesa muito bonito.

Eu tenho no móvel da sala os meus tesouros: memorias das viagens dos meus filhos e o "canto" português com muitas chávenas da Vista Alegre. Quatro destas representam Pessoa e os seus heterónimos. Nas paredes há as sardinhas de Bordalo Pinheiro. 


Ao lado da cozinha fica a casa de banho. À esquerda encontramos a banheira, o lavatório e a sanita. Em frente de sanita há a maquina de lavar roupa. Ao lado desta fica uma grande janela.

Ao lado da casa da banho é o meu quarto e do Maxímo. À direita fica um roupeiro muito grande e em frente do roupeiro ficam a cama, as mesas de cabeceira e a cómoda. 

Por ultimo há o quarto do meu filho mais velho, o Paulo. O Paulo não mora aqui há dois anos mas este quarto é  sempre o seu quarto. Assim nós o chamamos.

A minha casa é bonita pelos livros, a música, a luz e os quadros. Ela é colorida e eu estou muito bem nela!

ANGELA DE CHIRICO


1 commento:

Roberta Pucci ha detto...

Que bonito texto! Com esta descrição, parece de ver a casa da Angela; acho que è com certeza uma casa alegre! Para mim, que sou muito apaixonada por sardinhas (para comer), as sardinhas pintadas nas paredes são maravilhosas!!!